Homem suspeito de ferir pai e matar criança de quatro anos é morto em Japaratuba

 Um homem apontado como autor dos tiros que mataram Ayala Raniele dos Santos Souza, de quatro anos, no dia 13, e ferir o pai dela, no povoado Patioba, município de Japaratuba (SE), foi morto numa troca de tiros. As informações foram passadas agora há pouco no Jornal da Fan 2ª edição, com JPereira.
 Segundo informações da Polícia Militar, foi no cumprimento de um mandado de prisão por volta das 10h desta quinta-feira, 25. Houve reação e ele foi morto.
 Ainda de acordo com informações da PM, o 9º Batalhão da Polícia Militar, fez campana para tentar prender Wiliame de Oliveira Santos, 29 anos, pelo crime de homicídio. Ele estava em uma casa, no povoado Forges, no município de Japaratuba e ao perceber a movimentação da polícia, reagiu com tiros, segundo a polícia, à ordem policial. A delegada de Capela, que investiga o caso, não confirmou a participação de Wiliame no caso da morte da garotinha Ayala.
 Williame era natural de Carmópolis e tinha passagem pelo sistema prisional por tráfico de drogas.
Relembre o caso – Ayala foi morta com um tiro na cabeça e o pai dela, Davi, atingido no tórax. Os dois estavam em uma moto e voltavam para casa juntamente com a mãe da criança e mais outros dois filhos. A mãe e as outras duas crianças, não foram atingidas.

David de Santos Souza, 33 anos, já está em casa se recuperando do tiro.

Nenhum comentário

Football