Anatel reduz tarifas das ligações de telefones fixos para celulares

 O conselho diretor da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) aprovou, em reunião realizada nesta quinta-feira (7) em Brasília, a redução dos valores das tarifas de chamadas de telefones fixos para celulares. Nas tarifas VC1, aplicadas nas ligações locais de telefone fixo para móvel, a redução média será de 7,75%, nas VC2, que abrangem localidades com os mesmos primeiros dígitos de código de área (do DDD 21 para o 27, por exemplo), a diminuição média será de 3,48% e nas ligações VC3, entre localidades que possuem os primeiros dígitos do código de área diferentes (do DDD 52 para o 71, por exemplo), a redução média será de 2,81,%. Os novos valores devem ser aplicados a partir de 25 de fevereiro próximo.
 O presidente da Anatel, Leonardo de Morais, destacou a importância da matéria e afirmou que a redução deriva do Plano de Metas de Competição (PGMC) e de uma regulação que procura incentivar a eficiência. Essa redução nas tarifas para o consumidor nas ligações de telefone fixo para móvel estava prevista pela Anatel como consequência do processo de redução do Valor de Remuneração de Uso de Rede da telefonia móvel (VU-M), o que possibilita reduções das tarifas de chamadas fixo-móvel desde 2016. 

Veja abaixo a redução percentual da  VC-1:
Concessionária
VC1 - % de redução
Telemar Norte Leste S.A.
7,02%
Oi. S.A.
7,45%
Telefônica Brasil S.A.
9,65%
Algar Telecom S.A.
7,06%
Sercomtel S.A.
7,59%
 Veja abaixo a redução percentual da VC-2 e VC-3:
Concessionária
VC2 - % de redução
VC3 - % de redução
Telemar Norte Leste S.A.
3,20%
2,57%
Oi. S.A.
3,28%
2,67%
Telefônica Brasil S.A.
4,30%
3,47%
Algar Telecom S.A.
4,52%
3,56%
Sercomtel S.A.
2,93%
2,39%
Claro S.A.
2,67%
2,17%

Nenhum comentário

Football