Igreja Adventista do Sétimo Dia faz campanha para doação de sangue ao Hemose

 “Uma atitude nobre e que segue o exemplo de jesus, que quando passou pela terra, salvou vidas”, assim destacou o pastor da Igreja Adventista do Sétimo Dia, do Bairro Siqueira Campos, Denill Morais Souza, que na manhã deste sábado, 22, reuniu jovens de Aracaju e parte do Estado para doarem sangue no Centro de Hemoterapia de Sergipe – HEMOSE.
 A iniciativa surgiu por meio do Ministério Jovem da igreja, que desenvolve trabalhos junto à comunidade, com o intuito de levar a palavra de Deus através de ações sociais.
 A ação visa conscientizar os jovens sobre a importância da doação de sangue, e mostrar a este público que praticando a ação, ele se torna um colaborador social. Pensar no próximo e ajudá-lo também está entre os objetivos da doação.
 “Costumo dizer aos meus jovens que doar sangue é um ato de solidariedade, é uma forma de salvar vidas. Eu já estive na posição de receptora e sei da importância que foi ter alguém que se dispôs a doar, ajudando a salvar minha vida”, finalizou a enfermeira da direção do Ministério Jovem da Igreja Adventista do Sétimo Dia, Marta Moura.
 O ato de solidariedade e amor ao próximo reforça a campanha “Doe Sangue, Salve Vidas”, idealizada pelo HEMOSE para chamar a atenção das pessoas quanto a relevância da colaboração.
 Nos meses de férias escolares é muito comum as campanhas de doação de sangue em todo o País. O estoque dos bancos e hemocentros cai consideravelmente. A redução chega a 30% ou mais, dependendo da região. A queda é atribuída às viagens e ao período de descanso, quando muita gente deixa de fazer suas doações regulares.
Quem pode doar?
 De acordo com o Hemose, unidade gerenciada pela Fundação Parreiras Horas, através da Secretaria de Estado da Saúde (SES), para ser um doador de sangue é preciso estar bem de saúde, ter entre 16 e 69 anos de idade, ter mais de 50 quilos e apresentar um documento oficial com foto.
 Menores de 18 anos é exigido o consentimento dos pais. Ademais, aqueles que têm acima de 60 anos só poderão fazer a doação caso já tenham feito antes.
– O doador precisa pesar, no mínimo, 50 quilos e ter um estado bom de saúde;
– Não ter ingerido bebidas alcoólicas nas 12 horas anteriores à doação e não estar de jejum;
– A frequência máxima é de quatro doações anuais para homens e três doações anuais para as mulheres.
Campanhas
 Para realizar o agendamento de campanhas destinadas à doação de sangue e o cadastro de medula óssea basta entrar em contato com o Serviço Social do Hemocentro de Sergipe, localizado na R. Quinze, s/n – Capucho, Aracaju. A unidade funciona diariamente de segunda à sexta-feira, das 7h30 às 17h. Mais informações através dos telefones (79) 3225-8000, 3225-8039 e 3259- 3174.

Nenhum comentário

Football