A Polícia Civil desarticulou um grupo criminoso acusado de aplicar golpes em idosos em Aracaju. Segundo o delegado André Davi, os três homens foram detidos na quinta-feira (12), na cidade de Itaporanga D´Ajuda, quando tentavam fugir de Aracaju para Salvador (BA).
 Com as investigações iniciadas após a denúncia do primeiro crime, que aconteceu no dia 4 de outubro passado, a Polícia Civil, comandada pelo delegado André Davi, identificou com dificuldades os envolvidos, pois as vítimas, que eram idosos, ficaram abaladas com a situação e não conseguiram, no primeiro momento, detalhar como eram esses suspeitos.
 "Quando percebemos que eles ainda estavam no estado sergipano, deslocamos equipes do Complexo de Operações Policiais Especiais (Cope) para Itaporanga. No local eles cometeram outro crime, abordaram uma idosa e retiraram todo o dinheiro dela", afirmou o delegado.
 Os homens foram presos em flagrante e também em virtude do mandado de prisão que havia sido expedido pelo Judiciário sergipano. As informações coletadas pelo delegado é de que os homens agiam por toda a região do Nordeste.
Modus operandi
 As três vítimas registradas até o momento foram mulheres idosas. Segundo a polícia, o mais velho na quadrilha, Janair Cabral Nascimento, de 56 anos, era o responsável por fazer a abordagem a elas, sem despertar suspeitas. Ao conseguir estabelecer uma proximidade com a vítima, José Everaldo Araújo Filho, 42, e Márcio Melquiades Lopes, 33, chegavam e forçavam a vítima a fazer a retirada de todo o dinheiro (veja o vídeo abaixo).
 "Acreditamos que há mais indivíduos envolvidos, da mesma forma que acreditamos que há mais vítimas. Por isso, pedimos que vítimas dessa natureza procurem o Cope", declarou o delegado André Davi, que ainda ressaltou que não iria divulgar o valor arrecadado pelo trio, com as três vítimas.
Eles vão responder por extorsão, estelionato e formação de quadrilha. Os homens já estão à disposição da Justiça.

Foto: Ascom/ SSPFoto: Ascom/ SSP
F5


Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem