O Ministério Público Espanhol pediu a prisão do jogador sergipano Diego Costa em virtude de fraude de 1 milhão de euros em impostos. Os valores se referem a direitos de imagem pagos pelo Chelsea ao jogador. A informação é do site da rádio espanhol ‘Cadena Ser’.
 De acordo com a publicação, Diego Costa usou várias empresas de fachada com sede nas Ilhas Virgens Britânicas ou na Irlanda e deixou de pagar mais de 1 milhão de euros de imposto de renda pessoal em sua declaração referente ao ano de 2014 “motivado pela intenção de obter um benefício fiscal ilícito”.
 A publicação destaca que o Diego Costa reconheceu a irregularidade e fez o pagamento de mais 1 milhão de euros. Mesmo assim, conforme a publicação, o caso irá a julgamento no dia 4 de junho, no qual o Ministério Público Espanhol pede a prisão de seis meses e o pagamento de uma multa de mais de 500 mil euros.
Por Verlane Estácio



Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem