Pessoas que não têm acesso à internet para fazer a solicitação do auxílio emergencial poderão, partir da semana que vem, fazer o cadastro ou eventuais correções das informações já fornecidas nas agências dos Correios em todo o país. O anúncio foi feito nesta quinta-feira (7) pelo Ministério da Cidadania.
 O ministro Onyx Lorenzoni que apenas a ajuda no cadastro será oferecida nos Correios. “Lá não é lugar para ir receber dinheiro”. O pagamento para aqueles que têm direito a receber continua a ser feito na Caixa e na rede bancária.
 Lorenzoni, informou ainda que já foram atendidos pelo auxílio emergencial 50 milhões de pessoas, com recursos de R$ 35 bilhões. O ministro explica a divisão dos pedidos no país.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem
Portal Sergipano