Com o comício fechado por conta do decreto do governador Belivaldo Chagas, o índice de desemprego subiu no estado. Com dados da Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, revelou que, em maio deste ano, 6.101 trabalhadores solicitaram o seguro-desemprego em Sergipe.
 Em termos relativos, houve acréscimo de 46% no quantitativo de requerentes em relação a maio do ano passado, quando foram registradas 4.171 solicitações. Na comparação com o mês antecedente, abril deste ano, observou-se crescimento de 29%.
 De janeiro a maio, Sergipe teve 21.273 pedidos de seguro desemprego, assinalando aumento de 4% em relação ao mesmo período do ano passado.
Solicitações de seguro-desemprego por setor em maio/2020
A análise dos dados apontou que 42% das solicitações foram provenientes de trabalhadores desligados do setor de serviços (2.584 requerentes), seguido do Comércio, com 25% (1.555 requerentes), e Indústria, com 16% (1.005 requerentes). Logo após figuraram os setores da Construção, com 12% do total de solicitações (720 requerentes), e da Agropecuária, com 4% (237 requerentes).
Pedidos pela internet e presencial em maio/2020
 No mês analisado, 90,1% do total de solicitações foram via Portal de Serviços do Governo Federal ou via aplicativo da Carteira de Trabalho Digital, o que corresponde a 5.497 solicitações, sendo o restante presencialmente nos postos de atendimento.

NIE/FIES


Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem
Portal Sergipano