Faleceu na madrugada desta quinta-feira (11) o presidente da Associação dos Renais Crônicos de Sergipe (Arcrese), Lúcio Alves, ao 52 anos, em Aracaju. A informação foi confirmada por pessoas ligadas à família. 
 Lúcio Alves, que era diabético, estava internado em um hospital particular da capital sergipana em tratamento contra uma infecção bacteriana. Após complicações em seu quadro clínico, foi transferido para a UTI, mas não resistiu. 
 Casado e pai de três filhos, Lúcio Alves dedicou-se de forma incansável à luta em defesa de tratamento digno para os pacientes renais no estado. Em 2018, foi responsável pela denúncia da inauguração de um Centro de Nefrologia com obra inacabada, fato que ganhou repercussão nacional. 
 Nas redes sociais, amigos e familiares manifestaram pesar pela morte de Lúcio Alves e sublinharam sua dedicação em defesa de uma saúde pública de qualidade. 
 “A população sergipana perde hoje um grande defensor do SUS, qualificado, consciente do seu papel na sociedade Lúcio Alves combateu o bom combate e guardou a fé, fé em dias melhores, em um atendimento mais humanizado, fé em que chegasse o dia em que todos fossem tratados com respeito pelos governantes”, postou um amigo. 

F5


Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem
Portal Sergipano