Um levantamento realizado pelo Instituto Letras Ambientais, com base em informações divulgadas pela Defesa Civil Nacional, apontou que a estiagem atinge quase todos os municípios do Sertão sergipano, incluindo Poço Verde e Tobias Barreto. 

 Os mapas de monitoramento contínuo da região, desenvolvido pelo Laboratório de Análise e Processamento de Imagens de Satélites (Lapis), mostram que a estiagem atinge quase todos os municípios do semiárido, onde o percentual de umidade do solo está abaixo de 10%. Nas microrregiões do Leste e do Agreste sergipano, a umidade do solo se mantém relativamente alta, com percentual acima de 25%.

 Ainda assim, somente seis municípios do Sertão de Sergipe estão em declarado estado de emergência, por conta da seca, sendo eles: Frei Paulo, Monte Alegre, Poço Verde, Gararu, Pinhão e Nossa Senhora da Glória.

 Outros sete municípios saíram dessa lista porque tiveram seus decretos vencidos e ainda não foram renovados junto aos órgãos públicos, sendo eles: orto da Folha, Poço Redondo, Carira, Tobias Barreto, Canindé de São Francisco, Nossa Senhora Aparecida e Ribeirópolis. 

 Segundo o Monitor de Secas, apesar das chuvas terem ficado abaixo da normal climatológica na porção norte e acima da média no sul do estado, não houve mudanças na condição de seca fraca, de acordo com o que foi apontado pelos indicadores e, por isso, os impactos continuam a longo prazo. 

 De acordo com dados da meteorologia, 2020 vem batendo recorde de chuva desde o mês de março em todo o estado de Sergipe.  



Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem
Portal Sergipano