O promotor de justiça da 2ª Vara de Tobias Barreto, Dr. Paulo José, concedeu entrevista à Rádio Clube de Itapicuru e afirmou que a UPA - Unidade de Pronto Atendimento e a Prefeitura Municipal de Tobias Barreto, através da secretaria municipal de saúde, omitiram do Ministério Público o caso do Sr. Zé Ramos que está há 4 dias aguardando uma vaga de unidade de terapia intensiva para tratar o Coronavírus.

 “Não é preciso irmos para Aracaju para sabermos. Aqui em Tobias existe o caso do Sr. Zé Ramos que está há 4 dias esperando uma transferência. A UPA e a Prefeitura municipal não comunicaram ao Ministério Publico deste caso. Soubemos pela sociedade e precisamos intervir.”, afirmou o promotor em entrevista.

 Dr. Paulo José falou que causou espanto ao Ministério Publico não ser comunicado do que estava acontecendo com os pacientes na cidade.

 “Causou um espanto pra gente não sabermos do que estava acontecendo, por parte da UPA e da prefeitura municipal. Por isso intervimos e agimos de ofício, também podemos fazer isso. É importante que às pessoas não esperem, busquem o Ministério Publico, para que não passe 5, 6, 10 dias e depois morrerem. Nós não queremos que mais pessoas morram.”, enfatizou.

 Além disso, o promotor falou sobre um questionamento que foi feito a Prefeitura Municipal da falta de monitoramento aos casos confirmados de Covid-19. Segundo ele, a prefeitura municipal sinalizou que a dificuldade está no número de profissionais.

 “A prefeitura disse que o monitoramento não está ocorrendo porque há um número pequeno de funcionários na saúde. Por isso estamos recomendando que a prefeitura faça a nomeação dos aprovados no concurso urgentemente, use os recursos que vieram para o combate ao covid, para que esses concursados possam já começar a desempenhar suas funções.”, finalizou.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem
Portal Sergipano